Sexta-feira, 19 de julho de 2024

Sexta-feira, 19 de julho de 2024

Roberta Miranda expõe mágoa que tem de Gusttavo Lima

Ainda em entrevista que Roberta Miranda deu para o podcast Inteligência Ltda, a icônica artista revelou uma situação chata que teve com Gusttavo Lima.

Na última quarta-feira (1), Roberta Miranda foi a convidada da edição 731 do podcast Inteligência Ltda, podcast transmitido ao vivo pelo YouTube e comandado por Rogério Vilela. A entrevista já gerou furdúncios na internet com mais um escândalo judicial que Roberta foi vítima – desta vez, sendo pior e envolvendo ex-funcionárias que roubaram milhões de seu patrimônio.

Desta vez, outro assunto comentado fortemente pela internet foi sua resposta de mágoa que a grande cantora sertaneja Roberta Miranda – que é uma das mulheres que mais impulsionou o sertanejo, tanto em inspirações quanto em termos financeiros, com a quantidade de discos vendidos – teve com Gusttavo Lima.

O Embaixador já acumula alguns desagrados, tanto com artistas quanto pelo público, isso por uma série de ações que Gusttavo Lima realizou, como seu apoio expresso à reeleição de Jair Messias Bolsonaro para a presidência e os cachês superfaturados que recebeu, expostos na CPI do Sertanejo.

No podcast, Roberta Miranda disse que foi ver um show de Gusttavo Lima por vontade própria, uma vez que ela mesma disse que carregava uma forte admiração pelo Embaixador. Assim que chegou no lugar que aconteceria o show do cantor sertanejo, Roberta soube que Gusttavo estaria passando mal em seu camarim, poucas horas de sua apresentação de fato rolar.

Na tentativa de ajudar seu colega de profissão, ela já imediatamente ligou para alguns de seus médicos de confiança, que se colocaram à disposição para atender Gusttavo Lima caso necessário. Quando Roberta Miranda quis verificar o estado de saúde de Gusttavo e prestar mais algum tipo de ajuda, o segurança do cantor foi completamente antipático com a cantora, empurrando a artista e destratando-a.

“Quando eu ameaço de entrar, o segurança que é o Paulão, meteu a mão e disse: ‘aqui você não entra!’. Eu falei: ‘tudo bem!’, voltei para o meu carro junto com meu segurança Alexandre. Quando eu cheguei, o segurança meteu a mão e falou: ‘aqui você não entra!’ Eu disse: ‘pera aí cara! Acho que você está me estranhando, estou aqui há uma hora e só quero dar um abraço nele enquanto ele está subindo a rampa’. E ele disse: ‘Não, aqui você não entra’ então ele mandou eu me fud*r”, relatou Roberta Miranda ao podcast Inteligência Ltda.

A decisão foi tão crítica que Roberta chegou a filmar a agressão e chorar de raiva em seu carro. Por toda essa confusão, Roberta Miranda decidiu abrir um processo contra o segurança de Gusttavo, desistindo dias depois após seu advogado informar que Gusttavo Lima obrigatoriamente se envolveria na ação judicial, pelo fato de ser um funcionário do cantor sertanejo.

Miranda disse que a decisão do cancelamento foi para preservar Gusttavo.
Porém, o próprio segurança tomou a iniciativa de processá-la, com Roberta, inclusive, chegando a perder a ação sem nem ter tido a oportunidade de se defender. Através de um recurso da defesa, a avaliação foi novamente para análise e Roberta Miranda ainda está travando essa briga judicial com o segurança do Embaixador.

“Ele [o segurança de Gusttavo Lima] é misógino e quem corroborar com isso é misógino! Como sou uma mulher que luta pela mulher em todos os sentidos, que respeite a mulher, que não bata, não xingue e coloque a mulher em um pedestal que é onde ela deve estar de verdade, eu não posso ser compatível com uma misoginia dessas”, disse Roberta Miranda, que afirmou não poupar esforços para ganhar o caso.

Exatamente esse foi o ponto levantado pela cantora sertaneja de estar magoada e desapontada com a atitude de Gusttavo Lima em impedir que o processo ainda role, já que Roberta tinha retirado a ação quando chegou em seu conhecimento que envolveria Gusttavo: “A partir do momento, se eu tiro um processo, porque esse processo ia bater nele, ele tem que devolver isso. Se ele é homem, cavalheiro, se é um cara que tem educação. Ele tinha que ligar era para a colega dele”.

Roberta Miranda finalizou o assunto, no podcast Inteligência Ltda, dizendo que está confiante na Justiça e verbalizando sua indignação com a postura do funcionário de Gusttavo Lima: “Esse assunto, até hoje não sei se me dá nojo ou alguma coisa. Confio na justiça e vou fazer o que a justiça mandar. Não tiro um milímetro do que eu penso e digo misoginia não é comigo”

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Após 32 anos juntos, Zezé Di Camargo e Luciano funcionam melhor separados
Michel Teló volta com o Bloco Bem Sertanejo em SP
Deixe seu comentário

No Ar: Manhã 104