Sábado, 22 de junho de 2024

Sábado, 22 de junho de 2024

Lucas Lucco ganha fortuna com empresas fitness e supera lucros da carreira como cantor sertanejo

O cantor sertanejo Lucas Lucco já fatura o dobro de sua carreira musical com suas empreitadas empresariais no setor fitness e de bem-estar.

Os fins de semana de Lucas Lucco são completamente dedicados à sua agenda repleta de shows. No entanto, durante a semana, além de se dedicar a um filme da Globoplay, o “Lucas empresário” assume o controle. Como sócio de uma rede de academias, uma rede de clínicas de estética masculina e uma empresa de suplementos alimentares, o cantor sertanejo revela que seu faturamento como empresário é, no mínimo, duas vezes maior do que sua carreira musical.

“Nas academias, nas clínicas, a gente mexe com um público que às vezes conhece a minha imagem, mas nem acompanha a minha carreira musical. Têm pessoas ali que sabem da minha imagem, sabem da minha relação com fitness, mas a grande maioria dos clientes, penso eu, não são fãs do meu trabalho musical. Com os empreendimentos, o meu raio de alcance é muito maior”, compartilha Lucas Lucco em entrevista exclusiva ao g1.

O sucesso nos negócios é tamanho que, comparado aos primeiros anos de sua carreira musical, onde faturou mais de R$ 20 milhões, sua rede de academia fechou o ano de 2022 com um faturamento de R$ 45 milhões. E a meta para 2023 é ainda mais audaciosa: Lucas e seus sócios projetam faturar R$ 150 milhões, com um total de 250 unidades.

Apesar dos impressionantes números em seus negócios, Lucas Lucco não tem intenções de abandonar a música, grande responsável por o levar até o patamar que se encontra atualmente, embora tenha rendido alguns processos judiciais pra sua conta.

“Acho que uma coisa leva à outra. E também tem a questão de que a música é a base desse ecossistema que eu consegui criar. Esse ano, eu tô fazendo 10 anos de carreira. E quando eu olho para trás, me sinto muito agradecido por tudo o que a música me proporcionou.”

Lucas Lucco não é apenas um nome associado aos negócios, ele participa ativamente das decisões e estratégias. “Eu sei que eu tenho uma veia empreendedora muito forte, nasci com isso. Mas a música, eu não vou deixar nunca.”

Foto: Divulgação

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Emoção, vitórias e superação: O que os fãs podem esperar do documentário sobre Marília Mendonça?
Cabaré em Porto Alegre: Saiba quanto custam os ingressos do show de Leonardo e Bruno e Marrone
Deixe seu comentário

No Ar: Melhor da 104